Relatório de Actividade

Ano 2013

Relatório de Actividades da Sociedade Portuguesa de Diabetologia do ano 2013

 

Reuniões da Direcção da SPD

No seu terceiro e último ano de mandato a Direcção reuniu dez vezes.

 

Grupos de Estudo

A SPD tem, desde sempre, apoiado os seus Grupos de Estudo e fomentado a sua criação.

1 – “Grupo de Estudo de Tecnologias Avançadas em Diabetes – GETAD” – Coordenador Dr. Bragança Parreira

2 – “Grupo de Estudo de Educação em Diabetes” – Coordenador Prof. João Filipe Raposo

3 – “Grupo de Estudo de Investigação Fundamental e Translacional – GIFT” – Coordenadora Prof. Paula Macedo

4 – “Grupo de Estudo de Neuropatia Diabética” – Coordenadora Dra. Luísa Raimundo

5 – “Grupo de Estudo de Diabetes e Gravidez” – Coordenador Dr. Jorge Dores

6 – “Grupo de Estudo do Pé Diabético” – Coordenador Dr. Rui Carvalho

7 – “Grupo de Estudo de Epidemologia em Diabetes” – Dr. Simões Pereira

8 – “Grupo de Estudo de Diabetes e Doença Cardiovascular” – Coordenador Dr. Pedro Matos

9 – “Grupo de Estudo de Recomendações Terapêuticas” – Coordenador Dr. Rui Duarte

10 – “Grupo de Estudo de Nefropatia e Transplantação” – Coordenadora Dra. Margarida Bastos

11 – “Grupo de Estudo de Enfermagem em Diabetes” – Enfª. Isabel Correia

12 – “Grupo de Estudo de Diabetes na Criança e no Adolescente” – Coordenadora Dra. Rosa Pina



Reunião Anual da SPD – 2013

Realizou-se a Reunião Anual da SPD em Tomar, a 1 e 2 de Março de 2013.

Alteração do modelo prévio:

  • . Participação da Indústria Farmacêutica

  • . Posters

  • . Comunicações orais

Atribuição de 2 Bolsas e 1 Prémio

Bolsa de Estudo Pedro Eurico Lisboa, SPD/Bayer”

Bolsa Dr. M. M. Almeida Ruas SPD/Novo Nordisk”

Prémio SPD/Sanofi”



Prevadiab 2

Segunda fase do Estudo PREVADIAB

Coordenação: Dr. Luís Gardete Correia.



Renapedi

Registo Nacional de Pé Diabético Infectado.

Coordenação: Dr. Rui Carvalho.



HIPOS-ER

Hypoglycemia In POrtugal Study – Emergency Room

7 centros:

  • Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro

  • Centro Hospitalar do Porto

  • Centro Hospitalar de S. João

  • Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra

  • Centro Hospitalar de Lisboa Norte - Hospital de Stª. Maria

  • Hospital Beatriz Ângelo – Loures

  • Hospital Distrital de Faro



Patrocínio MSD



Programa “Juntos é mais fácil”

SPD como um dos promotores do programa “Juntos é mais fácil”

Objectivo: Ajudar a pessoa com diabetes e a sua família a compreender a doença e os tratamentos, a colaborar nos cuidados e a responsabilizar-se pelo seu estado de saúde, favorecendo a sua autonomia.



Patrocínio Novartis



Linhas de Investigação na Área da Diabetes

Comissão para política de Investigação – Prof. Doutor José Luís Medina (Presidente)

Comissão para revisão de bolsas – Prof. Doutora Manuela Carvalheiro (Presidente)



Colaboração com outras Sociedades e Serviços

Colaboração activa com outras Sociedades Médicas, concedendo o patrocínio científico a vários congressos, jornadas e cursos de reconhecido mérito científico na área da Diabetologia.



Agosto 2014

O Secretário-Geral da SPD

José Silva Nunes

Pesquisar

Newsletter



Nº 3/00
Carta Nº3

Caros sócios,

Ao enviar a todos os membros da Sociedade Portuguesa de Diabetologia o programa do próximo Congresso Nacional de Diabetes, em que espero que quase todos possamos estar presentes, não quero deixar de juntar as minhas saudações e os meus melhores votos, neste início de 2000. Aproveito também para lhes dar algumas notícias sobre a nossa sociedade e a próxima reunião.
Os preparativos para o Congresso do Funchal prosseguem da melhor maneira e verifica-se grande interesse de todas as partes envolvidas, o que nos permite antever uma reunião muito concorrida, de excelente nível científico e que, espero se venha a revelar muito agradável para todos os participantes.

Os resumos das comunicações orais e em póster e das várias conferências serão publicados num número especial dos arquivos de medicina, uma das poucas revistas indexadas em língua portuguesa. Os melhores trabalhos apresentados, quer oralmente, quer em poster, serão premiados, havendo 2 prémios para os 2 melhores estudos clínicos ou epidemiológicos (um para o melhor estudo apresentado oralmente e outro para o melhor póster) e, igualmente 2 prémios para os trabalhos de investigação (um para a melhor comunicação oral e outro para o melhor póster). Embora saibamos que grande parte dos participantes que enviaram trabalhos se já convidados, a Sociedade está pronta a isentar de inscrição os primeiros autores que não obtenham patrocínios.

A Sociedade considera, no entanto, que as suas actividades não podem concentrar-se apenas nos seus congressos bianuais, por muito sucesso que estes possam ter. Pensamos ser uma prioridade incentivar a formação de grupos de trabalho, para estudo e discussão de phpectos específicos da especialidade. Neste contexto, estamos abertos a sugestões de sócios sobre temas que considerem ser desejável tratar, quer pela sua actualidade, quer pela importância que assumem na nossa prática do dia a dia.
Com esta menção das actividades que desejamos impulsionar nos períodos inter-congressos, encerro esta carta, esperando encontrá-los a todos no Funchal, para uma útil reunião profissional e uma activa troca de impressões.

Janeiro 2000
João Nunes Corrêa